Seu lote pode estar valendo mais

Seu lote pode estar valendo mais

A pandemia foi, sem sombra de dúvidas, um dos acontecimentos mais marcantes na história mundial e talvez ninguém estivesse preparado. Após sua declaração pela Organização Mundial da Saúde em março de 2020, diversos setores entraram em recessão, até mesmo aqueles que estavam com expectativas promissoras para o ano. 

Em um levantamento realizado pelo Ministério da Economia, os setores mais impactados pelas medidas contra o Coronavírus foram as atividades artísticas, criativas e de espetáculos e transportes. Você pode conferir mais clicando aqui. 

Mesmo com esse impacto, o setor imobiliário foi um dos que mais cresceu durante o período da crise sanitária. Isso pode ser validado por meio de diversas pesquisas, uma delas, realizada realizada pela Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), constatou que  o Índice Geral do Mercado Imobiliário (IGMI-R/ABECIP) apresentou uma valorização de 17,63% nos preços entre o segundo semestre de 2021 e o primeiro de 2022. Ela também mostrou que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial do país, alcançou um aumento de 11,30%, comprovando que, apesar da desvalorização sofrida pelo real e por outras moedas ao redor do globo, o mercado imobiliário apresentou um valor de crescimento significativo. 

Quem investiu em imóveis neste período, teve um retorno financeiro  em torno de 6% acima da inflação oficial. Ou seja, um ótimo negócio frente a uma situação tão crítica e inesperada. 

O aumento desta valorização tem explicação: mesmo com mais lançamentos imobiliários em 2020, as vendas apresentaram uma procura muito superior ao habitual, ocasionando a redução da oferta de imóveis. Ao mesmo tempo, a queda das taxas de juros também foi vista com bons olhos, já que as parcelas ficaram menores e, consequentemente, aumentaram a demanda de compra. 

Foco no conforto e na qualidade de vida

O isolamento social provocado pela pandemia aumentou a permanência das famílias no lar e também foi uma variável para o impacto no mercado imobiliário. Enquanto as pessoas passavam pelo período de isolamento, o modo de viver começou a ser repensado, já que as formas de trabalho, estudo e convivência passaram por adaptações consideráveis. 

Frente a este novo cenário, a busca por mais conforto e opções de moradia com ambientes mais amplos, substituindo apartamentos por casas próximas à natureza, mas com acessibilidade e estrutura necessária para atender às demandas da família, se tornou maior e o mercado imobiliário sentiu de perto essa necessidade. 

Segundo um estudo realizado pelo Data ZAP em 2020, 44% dos entrevistados tinham intenção ou estavam buscando casas para comprar e mudar o estilo de vida, enquanto 41%, valorizavam a localização em um condomínio com área de lazer era um quesito importante. 

A busca pela casa dos sonhos

Similarmente, uma pesquisa realizada pelo Google Survey em 2021, constatou que 57% dos brasileiros afirmam que, mesmo quando a pandemia acabar, a casa seguirá sendo uma prioridade e vão continuar investindo nela. Nesse sentido, o estudo elencou os principais pontos avaliados na hora de adquirir um novo imóvel:

  • Funcionalidade: com as novas configurações de rotina, o imóvel precisa ser funcional e atender todas as demandas da família. 
  • Conforto: a necessidade de se sentir bem em casa, em um ambiente que ofereça funcionalidade, mas não deixe o conforto de lado também é um fator analisado. 
  • Performance e inovação: os futuros compradores também observam a adaptabilidade do local e as novidades que irão compensar, de alguma forma, as experiências que poderiam ser vividas fora do lar. 

Cuidando do que é seu

Seja para construir a casa própria, alugar ou vender, quem pensa em transformar o imóvel em uma fonte de renda deve acompanhar o mercado financeiro e ficar por dentro da valorização do terreno. 

Conforme vimos, a valorização é promissora, no entanto, é importante lembrar que as características do loteamento, a localização, segurança e os serviços nos arredores contribuem  com o preço final do imóvel. Desta forma, é essencial acompanhar as oscilações do mercado e ficar atento ao seu bem e como ele é visto no mercado imobiliário, afinal, essas variantes serão determinantes no retorno financeiro que você terá futuramente.  

Quer saber como cuidar da manutenção do seu lote e contribuir com a valorização do mesmo? Leia o nosso conteúdo sobre a importância da limpeza do terreno

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.